Público Alvo

Profissionais que atuem em temas relacionados a agendas e plataformas de direito à cidades, direitos humanos nas cidades, cidades sustentáveis, desenvolvimento urbano sustentável:

  • Representantes de movimentos sociais;
  • Representantes de organizações não governamentais;
  • Autoridades nacionais e locais e gestores públicos;
  • Professores e pesquisadores;
  • Representantes de organismos internacionais.